Buscar

Ubaitaba realizou a V Conferência da Criança e do Adolescente




O evento que foi promovido pelo CMDCA em parceria com a Secretaria de Assistência Social, aconteceu no auditório da CDL, nesta quarta-feira, 26, pela manhã, e contou com a participação de representantes dos órgãos públicos e da comunidade.


A Conferência trouxe como tema: A situação dos direitos humanos de crianças e adolescentes em tempos de pandemia de covid-19 e como subtema: Violência e vulnerabilidades, ações necessárias para reparação e garantia de políticas de proteção integral com respeito à diversidade. Ali foram discutidos os direitos das crianças e adolescentes e ouvida sugestões que serão integradas como sugestões na Conferência estadual e posteriormente na Conferência nacional.


Participaram da mesa, o prefeito Bêda, a Secretária de Assistência Social Daiane Magalhães, Sirleide Silva, presidente do Conselho Tutelar e o Secretário de Educação Cláudio Bidú e o presidente do CMDCA, Sérgio Magalhães, representantes da Polícia Militar e da Polícia Civil, além de um aluno representando as crianças e adolescentes.


Houve ainda uma dramatização organizada pela equipe do Social que apresentaram sobre as dificuldades e desigualdades que as crianças e adolescentes enfrentaram por conta da pandemia do coronavírus nesses últimos anos.


Um diferencial dessa conferência é que foram convidados diversas crianças e adolescentes da rede municipal de ensino para participarem do evento. Eles puderam ouvir e aprender com a palestrante dra. Aline Pestana que é advogada e escritora, na oportunidade, ela falou sobre a ECA – Estatuto da Criança e do Adolescente – e pode explicitar quais direitos as crianças e adolescentes tem e explicou ainda o percurso histórico para que esses direitos fossem adquiridos, o que culminou na criação do ECA.


Sérgio Magalhães, do CMDCA destacou a importância das crianças no evento já que o objetivo da conferência é atender melhor a elas. A secretária Daiane avaliou como muito positivo o encontro e o Conselheira Tutelar, Sirleide destacou a importância de se discutir esses temas com a sociedade. O prefeito Bêda enfatizou que o Poder público é responsável por proporcionar boas políticas públicas mas cabe também a sociedade unida, o papel de cuidar das crianças e adolescentes.


Ao final, foi elaborado um documento com sugestões de Ubaitaba para as novas políticas públicas para as crianças e adolescentes tanto para a nossa cidade, como para o Brasil. O documento segue para a conferência Estadual da Criança e do Adolescente.

(Ascom/Ubaitaba)



bannercovid728.jpg
bannercovid728.jpg
LOGOMARCA png.png